Pular para o conteúdo

Por que eu escolhi Django?

Postado em 2 minutos de leitura

Django é o framework ideal para os que buscam agilidade e simplicidade. Um dos recursos que mais gosto é o Admin, uma poderosa interface para produzir conteúdo. Simples de usar, bastante customizável e com um visual agradável, bastante útil durante a fase de desenvolvimento e ideal para pequenos projetos com ausência de um designer na equipe. Outras caracteristicas interessantes são:

  • API para autenticação de usuários com suporte à grupos e níveis de acesso, que permite a criação de permissões personalizadas para cada página, classe ou método;
  • Sistema de cache que torna mais rápido o carregamento das páginas e o acesso ao banco de dados;
  • Sistema de templates utilizando HTML, com suporte a herança e Template Tags – uma linguagem de templates para manipulação de conteúdo dinamicamente. É possível criar suas próprias com código Python e utiliza-las em qualquer parte do projeto;
  • Trabalhar com formulários e extremamente simples e há diversos tipos de validações disponíveis como por exemplo e-mail, cpf e endereço IP;
  • ORM compatível com os bancos de dados mais utilizados no mercado;
  • Paginação é uma tarefa trivial;
  • Incrível suporte à internacionalização;
  • É multiplataforma;
  • Documentação bem completa e de fácil entendimento;
  • Comunidade altamente ativa.

Por utilizar Python, é compatível com uma grande variedade de bibliotecas para trabalhar com xml, json, webservices, restful, graficos, relatorios, imagens e etc. Sem dúvida uma ótima escolha para quem procura agilidade com produtividade.

Essa foi minha opinião expressada no debate Django vs. Ruby on Rails, matéria da revista TiDigital, edição de 16 de junho de 2010.

comments powered by Disqus